Make your own free website on Tripod.com
                                                      

DENARC apreende ecstasy mentolado para festa rave

Sexta-Feira, 17 de Junho de 2005


Ecstasy mentolado. Essa é a novidade dos traficantes de drogas sintéticas, distribuídas em festas raves e em danceterias. Na madrugada de ontem, o Denarc (Departamento de Investigações Sobre Narcóticos) apreendeu 700 comprimidos da droga com o desempregado Deivis Ruan Tanner, de 27 anos, o Alemão, e com o estudante de Jornalismo Jorge Cervelim Neto, de 25. As pastilhas foram encontradas em um Corsa alugado pelos acusados, no pedágio do km 39 da rodovia Bandeirantes, sentido Interior.

A investigação foi feita pelos policiais do Gerco (Grupo Especial de Repressão ao Crime Organizado), do Denarc. “Passamos quatro meses investigando a ação dos acusados”, disse o delegado Carlos Roberto Andrade.

“Eles distribuíam o ecstasy especialmente para freqüentadores de festas
raves”, contou. Além do ecstasy, os investigadores apreenderam quatro
celulares.

Os 700 comprimidos seriam distribuídos na rave Ekoara Yande, programada para
os dias 18 e 19 desse mês, em uma chácara do quilômetro 114 da via Anhanguera, sentido Interior. Foram apreendidos convites para a festa privada. O Denarc continua nas investigações para tentar prender outro envolvido no esquema de tráfico de drogas sintéticas. Deivis já esteve preso por roubo e homicídio. Esta foi a primeira apreensão de ecstasy aromatizado.


ANTÔNIO CARLOS SILVEIRA